Apple tem queda na receita e anuncia redução de valores para iPhones

Infotec - A receita financeira dos últimos três meses de 2018 da Apple, divulgada pela empresa na última terça-feira (29), caíram 5% proporcionais ao mesmo período do ano anterior (2017). Transformando em números reais, a companhia passou de US$ 88,3 bilhões para US$ 84,3 bilhões. Já o tombo na venda de iPhones foi ainda maior: os números, também em relação ao trimestre de setembro a dezembro, representam 15%.

Segundo informações da Agência Reuters, os dados só não foram piores porque a marca atingiu um recorde histórico com a receita de serviços e a venda de Macs, acessórios, etc. Um aumento que atingiu 33%.

Na data do anuncio, Tim Cock, presidente-executivo da Apple, informou que pretende reduzir o preço de alguns modelos de iPhone para compensar o problema, reforçado pela alta do dólar. O caso acontece pela segunda vez na história. Ainda não foi comunicado exatamente que países receberão o reajuste no valor, mas Cook anunciou que os preços se voltarão para os mercados emergentes.

“Decidimos fazer os preços do iPhone voltarem a ser o que eram um ano atrás na expectativa de ajudar as vendas nestas regiões”, disse Cook.