“Com a palavra, o Coordenador.” Design Gráfico

Quanto ganha em média um Designer Gráfico?

O quanto for possível. Sei que é uma resposta direta e bem subjetiva, mas, é uma resposta sincera. O Designer Gráfico é um profissional que pertence ao grande universo da economia criativa. Em pesquisa recente divulgada pelo Mapeamento da Indústria Criativa no Brasil, realizado pela Federação das Indústrias do Rio de Janeiro (Firjan), entre 2015 e 2017 o setor da economia criativa andou na contramão da crise e foi o setor onde profissionais de áreas criativas encontraram mais de 25 mil postos de trabalho, e o Designer pode estar inserido neste universo e atuar enquanto profissional nestas empresas ocupando as vagas oferecidas em startups, agências, gráficas, estúdios, escritórios, departamento de marketing e comunicação, editoras e dentre outros. Ou se preferir, pode ainda desenvolver suas habilidades criativas e assim empreender. É a oportunidade de atuar enquanto gestor criativo iniciando uma empresa como uma startup, reconhecidas como empresas com objetivos geralmente pautados em tecnologia com a possibilidade de escalar, isto é, de crescer ou ainda atuar como freelancer.

Se for para fazer uma análise geral de valores de salário em empresas e de modo regular, a Love Mondays, em pesquisa, constatou que a média salarial em Recife é de R$ 1.909,00 por mês para o Designer gráfico. A plataforma ainda informa que o salário pode variar de R$ 985,00 a R$ 5.692,00, analisando estes números fica-se claro que experiência, tempo de mercado e qualificação são fatores de variação salarial. Por isto, estar qualificado sempre buscando atualização é essencial, quando vamos analisar a média nacional segundo a CAGED do MTE e pesquisa do Salario.com.br a faixa salarial fica entre R$ 1.861,90 (média do piso salarial de 2019), R$ 2.000,00 (salário mediano) e o teto salarial de R$ 3.963,03, levando em conta profissionais contratados com carteira assinada em regime CLT.

Mas, repito, o valor pode ser o quanto for possível. Se avaliarmos projetos individuais em que o Designer pode cobrar enquanto freelancer, um Manual de Identidade visual que inclui Design de Marca e estudos para aplicação da marca de modo visual e estratégico, pode ser cobrado por projeto entre R$ 800,00 e R$ 2.000,00 dependendo do porte da empresa e nível de complexidade do projeto, além de receber outros valores com consultorias e clientes com contrato fixo.

O Designer está cada vez mais inserido em diversos segmentos e nichos, onde antes era apenas o responsável pela finalização do arquivo em gráficas, impressão ou criação de projetos de comunicação visual, hoje faz parte de todo o conceito estratégico da empresa desde entender como deve ser o posicionamento da marca no mercado, cria projetos digitais e físicos pensando na experiência do usuário e conquista ainda as plataformas digitais sendo o responsável pela interface de sites, apps e conteúdo para mídias sociais. O Designer atua de modo estratégico pensando no serviço e inovação.

Sendo assim, o universo de atuação do Designer é amplo e o salário por mês pode variar se seu posicionamento enquanto profissional é atuar em empresas regulares ou empreender de modo criativo.

Na Faculdade Ibratec você encontra o curso de Design Gráfico mais prático do mercado e com atividades voltadas para o empreendedorismo.

Saiba mais acessando o Link.